Uma pérola do futebol no Uruguai

Os museus dedicados ao futebol cada vez mais entram no roteiro turístico internacional. Leia os relatos dos leitores Raphael Firmino e Gabriel Araújo, ambos sobre o imperdível Museu do Futebol de Montevidéu, no Uruguai

Este slideshow necessita de JavaScript.

Museu do Futebol – Montevidéu – Por Raphael Firmino Pereira Neto*

Como amante do esporte e de viagens, sempre que viajo tento encaixar um programa esportivo entre minhas atividades como turista. Nem sempre é possível assistir um bom jogo de futebol ou outro esporte peculiar. Mas sem dúvida, há sempre algo a se conhecer.

Em maio de 2012, estive com minha esposa em Montevidéu, no Uruguai (uma linda cidade, por sinal) e, infelizmente não haveria possibilidade de acompanhar alguma partida da bela escola de futebol uruguaia. Porém, eu já tinha lido em blogs que havia um Museu do Futebol instalado no mítico estádio Centenario de Montevideo.

Este estádio, construído para a Copa do Mundo de 1930, já presenciou mais de uma dezena de finais de Libertadores. É, sem sombra de dúvidas, um dos grandes palcos do futebol sul-americano.

Assim, em uma tarde fria de Maio, pegamos um taxi no centro da cidade e, cerca de 10 minutos mais tarde, estávamos em frente ao estádio. Contornando seus muros, chegamos a uma porta discreta com uma inscrição ainda mais discreta: “Museo del Fútbol”.

Brasil no museu – Um senhor muito educado e conhecedor do esporte é o responsável pela recepção dos visitantes e pela lojinha de souvenirs do local. Ao perceber que éramos brasileiros, nos perguntou sobre nosso time do coração. Ao ouvir “Cruzeiro” nos levou diretamente a uma bancada de vidro, com bandeira e camisa do nosso clube ao lado da camisa da seleção inglesa. Dois times homenageados por sua história.

Ainda no hall de entrada, há um tributo ao futebol uruguaio, contando toda a história do estádio e da primeira Copa do Mundo. Há ainda uma homenagem inusitada: uma seção exclusiva de artigos relacionados aos árbitros de futebol!

Ao subir a escada de acesso, o ponto alto do passeio. Temos uma visão privilegiada do estádio e é de arrepiar! Afinal trata-se de um estádio de 80 anos de idade!

Voltando ao Museu, há ainda um segundo andar, com muitas fotos históricas, homenagens às seleções campeãs do mundial, aos grandes jogadores da história, troféus e muito mais. Imperdível.

Raphael Firmino Pereira Neto – 27 anos, bancário, casado com a Cíntia, mineiro de Belo Horizonte, cruzeirense, morador de Brasília/DF

(veja o segundo relato abaixo)

Este slideshow necessita de JavaScript.

Museu do Futebol: o esporte uruguaio no Estádio Centenário – Por Gabriel Araújo*

Viagem para o Uruguai é sinônimo de passagem pelo Estádio Centenário. É um pecado capital visitar o pequeno e belo vizinho sulista e não conhecer tal templo do futebol mundial, onde foi realizada a decisão da primeira Copa do Mundo da história, em 1930.

O museu do futebol no Centenário é absolutamente espetacular e registra toda a história do esporte uruguaio. Com dois andares, expõe inúmeros troféus de torneios importantes conquistados pela Celeste (a seleção local), como a Taça Jules Rimet (Copa do Mundo, inclusive relembrando especialmente o Maracanazzo de 1950), e também por clubes do país, como a Libertadores, vencida cinco vezes pelo Peñarol e três pelo Nacional.

Além disso, há ainda bolas de decisões, medalhas de conquistas e chuteiras e camisas históricas utilizadas por atletas do porte de Obdulio Varela (um dos maiores ídolos do futebol uruguaio), Diego Maradona, Pelé, Didi e, claro, também de jogadores mais recentes, como Lilian Thuram (francês, e justamente seu uniforme da Copa de 1998, quando da derrota brasileira na final), Diego Forlán, ‘Loco’ Abreu e Luís Suárez.

Também há a oportunidade de chegar à arquibancada do estádio, bem simples, mas onde foi escrita, inegavelmente, a história do futebol mundial. A visão para o gramado é sensacional e pode-se trafegar livremente pelo local, dos baixos às arquibancadas. Há liberdade, pois, para se conhecer e entender o futebol sul-americano.

O uruguaio é definitivamente apaixonado pelo futebol, e o museu do Estádio Centenário é uma excelente prova disso.

Gabriel Araújo – 15 anos, estudante, futuro jornalista.

_____________________________________________________________________________________

Estádio Centenário/Museu do Futebol: http://www.estadiocentenario.com.uy

Horário: de quarta a sexta-feira (das 10h às 18h), sábado e domingo (das 9h às 14h30)
Valor: 13 reais (também pagos em pesos – 130 – e dólares – 6,50)

Este slideshow necessita de JavaScript.

Uma consideração sobre “Uma pérola do futebol no Uruguai”

Faça seu comentário aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s